Raimundo Colombo

ÚLTIMAS
NOTÍCIAS

Colombo receberá título de doutor honoris causa da Universidade do Contestado

Convite foi feito durante agenda pelo Oeste

O convite foi entregue pela reitora Solange Sprandel

O ex-governador de Santa Catarina Raimundo Colombo cumpre agenda no Oeste Catarinense até esta sexta, 29 de outubro, com reuniões com lideranças comunitárias, políticas e empresariais para construir o melhor projeto para o desenvolvimento do estado. Em Concórdia, recebeu o convite para a cerimônia de entrega do título de doutor honoris causa da Universidade do Contestado.


O convite foi entregue pela reitora Solange Sprandel, que destacou a participação de Colombo na abertura do curso de Medicina na instituição em Mafra. “É uma honra e uma felicidade muito grande, uma homenagem que toca o coração”, afirmou o ex-governador. A cerimônia de entrega do título está prevista para 3 de dezembro.


Em Chapecó, capital do agronegócio catarinense, participou de reuniões com lideranças como o presidente da Aurora, Neivor Canton, grupo que emprega 40 mil pessoas no país; e com o presidente da Cooperalfa, Romeo Bet, que agrega 20 mil famílias. Na pauta das conversas, o presente e o futuro do setor que é um dos pilares da economia catarinense. “Hoje, a região que mais cresce no estado é o Oeste. O agronegócio, o trabalho no campo, não parou mesmo na pandemia”, destacou.


Em Chapecó, capital do agronegócio catarinense, participou de reuniões com lideranças

Colombo, que é pré-candidato do PSD ao Governo do Estado em 2022, destacou os desafios que o país e o estado têm pela frente, principalmente o descontrole da inflação e a alta de impostos.


Agenda regional

Além de Concórdia e Chapecó, Colombo participou de reuniões em Nova Itaberaba e São Miguel do Oeste. Nesta quinta, 28, cumpriu agenda em Guaraciaba, Belmonte, Tunápolis e Riqueza. O ex-governador também concedeu entrevistas para a imprensa da região, destacando ações do seu período de governo que favoreceram o Oeste catarinense, como a abertura do mercado de carne suína para novos países, o reforço na segurança pública e as obras de infraestrutura regional e de Defesa Civil.

10 visualizações